Raposos – Primeira Igreja Matriz de Minas Gerais e Cachoeira Santo Antônio

A cidade de Raposos integra o Caminho Sabarabuçu da Estrada Real, e está localizada a apenas 30 km da capital Belo Horizonte.

Uma das principais atrações da cidade é a bela Cachoeira de Santo Antônio, uma das cachoeiras mais próximas de BH, além da  Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição, considerada a primeira igreja matriz de Minas Gerais.

O Blog Pelas Estradas de Minas foi até a cidade de Raposos conhecer essas duas atrações que ficam pertinho de BH e traz algumas fotos, dicas e informações para quem deseja conhecer…

Vista da Cidade de Raposos em Minas Gerais

Sobre a cidade de Raposos – MG

Fundado em 1690 por Pedro de Morais Raposo, que foi enviado para Minas Gerais para descobrir ouro e pedras preciosas, Raposos foi um dos primeiros povoados de Minas Gerais.

Conhecido inicialmente como Arraial das Velhas e posteriormente chamado de Arraial dos Raposos, foi elevado à categoria de município em 1948 recebendo então o nome de Raposos.

Atualmente o município vive do artesanato e da agricultura local, além de ter se tornado uma cidade dormitório, devido sua proximidade com Nova Lima e Belo Horizonte.

Raposos – MG – Caminho Sabarabuçu da Estrada Real

O que fazer em Raposos – MG?

Integrante do Caminho Sabarabuçu da Estrada Real, Raposos atrai visitantes para as festas típicas que estão ligadas à religião e às tradições históricas, como a Festa do Divino Espírito Santo e a festa do Congado de Nossa Senhora do Rosário, além das cavalhadas e da Folia de Reis.

Apesar de ser rodeada de muitas belezas naturais e de ser um marco da Estrada Real, a cidade não dispõe de uma infra estrutura para atividades turísticas.   

Confira duas dicas de turismo para curtir em Raposos, Minas Gerais.

Matriz Nossa Senhora da Conceição de Raposos  – 1º Igreja Matriz de Minas Gerais

A pequena ermida feita de taipa (pau-a-pique), foi erguida juntamente com as primeiras casas do Arraial no final do século XVII e consagrada à Nossa Senhora da Conceição.

A Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição de Raposos é considerada por muitos como a igreja matriz mais antiga de Minas Gerais, devido a construção da ermida ser por volta de 1690.

Paulo Krugger Mourão, estudioso sobre as igrejas setecentistas de Minas,  afirma: “Supõe-se que a freguesia de Nossa Senhora da Conceição de Raposos é a mais antiga de Minas. É suposta ser seiscentista essa freguesia, havendo quem pense ter sido erguida lá pelo ano de 1690.

Porém o mesmo autor, devido a escassez de documentos que provam tal fato, prefere considerá-la como “uma das três” igrejas mais antigas de Minas Gerais, considerando que a Igreja do Ó em Sabará, e a Matriz de Nossa Senhora da Imaculada Conceição em Matias Cardoso, no norte do estado, também tiveram origem no final do século XVII.

Conheça a Igreja do Ó e o Centro Histórico de Sabará

Erguida às margens do Rio das Velhas, com uma distância segura de eventuais enchentes, a igreja possui características simples em relação às igrejas da época, e elementos decorativos  presente na primeira fase do barroco mineiro, conhecido como “Estilo Nacional Português”.

De acordo com dados históricos, a matriz estava em ruínas no início do século XIX, e passou por uma grande reforma, o que descaracterizou sua fachada original.

Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição de Raposos – MG

Interior da Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição

Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição – Estrada Real

Mais informações: Patrimônio Espiritual

Cachoeira Santo Antônio em Raposos

Notamos um certo “conflito” quanto a localização exata da cachoeira. Em boa parte de nossas fontes de consulta consta que a Cachoeira de Santo Antônio está localizada em Raposos, porém também encontramos informações que ela pertence ao distrito de Morro Vermelho e/ou a cidade de Caeté.

A Cachoeira de Santo Antônio é considerada uma das mais próximas da capital Belo Horizonte. Na nossa opinião isso é válido levando em consideração a quilometragem, pois o tempo gasto para chegar de carro pode levar cerca de 40 minutos devido a má qualidade da estrada.

Mas todo esforço para chegar a cachoeira é muito válido quando deparamos com toda beleza de sua queda de aproximadamente 80 metros, formando um grande lago.

Cachoeira de Santo Antônio em Raposos – MG

Cachoeira de Santo Antônio em Raposos – MG

Como chegar à Cachoeira Santo Antônio em Raposos

O acesso à cachoeira pode ser realizado partindo do centro de Raposos ou por Caeté seguindo pelo distrito de Morro Vermelho.

Nós partimos do centro de Raposos, subindo ao lado da Igreja Matriz N. Sra. da Conceição por uma rua que leva até uma estrada de terra.

São cerca de 12 Km de estrada, sendo esta muito estreita e com alguns pontos que exigem muita atenção do motorista, pois vai encontrar muita poeira, muitos buracos e muitos motociclistas pelo caminho.

O uso de GPS não ajuda muito, é melhor ir perguntando pelo caminho.

De carro é possível chegar até um certo ponto, onde o pessoal deixa o carro estacionado na beira da estrada e segue até a cachoeira em uma caminha por cerca de 1 Km.

O caminho é realmente um pouco complicado, porém vale muito a pena pela beleza da cachoeira.

Estrada de acesso a Cachoeira Santo Antônio – Raposos-MG

CUIDADO: A cachoeira tem um poço fundo e é bem perigosa. Há diversos relatos de afogamentos, e como é de difícil acesso, caso necessário algum tipo de socorro, então é melhor evitar. Evitem nadar próximos aos paredões e principalmente em baixo da queda.

O lago da cachoeira é grande e totalmente suficiente para diversão segura de toda família, sem a necessidade de correr riscos e estragar um momento de diversão.

Rapel na Cachoeira Santo Antônio – Raposos-MG

Como chegar a Raposos – Localização

Saindo do centro de Belo Horizonte, sentido a BR 040, basta pegar o acesso para Nova Lima depois do BH Shopping. São aproximadamente 32 km da capital mineira até ao centro da cidade de Raposos.

#FicaADica para quem vai visitar Raposos/ Cachoeira Santo Antônio

  • Voltamos a frisar… Cuidado, pois é uma cachoeira perigosa. Evite nadar próximo dos paredões e da queda;
  • Há um rapaz que fica lá nos finais de semana vendendo bebidas e algumas opções de comida e lanches, porém é melhor levar seu próprio lanche, pois não há mais nada por perto;
  • Lembre-se de levar de volta todo seu lixo;
  • Como já dito anteriormente, cuidado com a estrada. Muita poeira, buracos e motociclistas pelo caminho;

Vem com a Gente #PelasEstradasDeMinas !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *